Interpretação de Gênesis 7



Interpretação de Gênesis

Interpretação de Gênesis 7


7:11a,b. Romperam-se (beiqa') todas as fontes do grande abismo. Enormes reservatórios de água estavam armazenados sob a terra. Esta enorme quantidade de água foi chamada de tehôm, "o grande abismo" (cons. Gn. 1:2). Estas águas subterrâneas confinadas ali pelo poder criativo no segundo dia da criação, foram desencadeadas com volume e violência além da descrição. Não foi uma enchente comum, mas uma gigantesca maré que subitamente assombrou a população estarrecida. Beiqa' indica uma convulsão terrestre que destruiu toda barreira restritiva que existia. Foi um tumultuoso desprender-se de indescritível destruição. O homem não pode imaginar a fúria e o poder destruidor da erupção, nem o horror da exibição do poder de Deus para destruir os seres pecadores, A completa corrupção do homem era muito pior do que qualquer um de nós pode imaginar. A destruição foi necessária,
11c,12. As comportas dos céus se abriram (peitah), Além da terrível sublevação que vinha de baixo, os povos da terra testemunharam a abertura das comportas dos gigantescos reservatórios de águas acima da terra. Todas as águas que estavam acumuladas explodiram em torrentes. Resistente e continuamente, durante quarenta dias e quarenta noites, aS gigantescas nuvens derramara água sobre a terra. O efeito do dilúvio sobre os homens, mulheres, crianças, animais e plantas, e sobre a superfície da terra não pode ser completamente imaginado.
16-18. E o Senhor fechou (seigar) a porta após ele . . . Predominaram as águas (geibar). No meio da violenta tempestade e das torrentes que tudo cobriram, Jeová, o Deus da aliança, estendeu o braço da misericórdia e fechou a porta da arca para guardar o seu povo em segurança. Mas Ele derramou torrentes de água para destruir completamente os pecadores sobre a terra. Os inquilinos da casa flutuante podiam viajar sobre aS águas com senso de segurança e proteção, pois confiavam em Deus. A mão divina que fizera transbordar o abismo e abrira as janelas do céu para derramar destruição, também demonstrou a amorosa preocupação de Deus por aqueles que seriam o núcleo de Seu novo começo.
Enquanto os escolhidos de Deus se aninhavam em segurança na arca, as águas continuaram a subir e cobrir toda a terra. O verbo geibar indica poderio, sujeição e poder que prevalece. Sem cessar as águas foram assumindo o controle e continuaram dominando até que as mais altas montanhas ficaram completamente submersas. Novamente, a majestade, grandeza e propósito competidor do Todo-poderoso mostrou-se cada vez mais aparente. O propósito divino estava se realizando sobre toda a terra. A vontade de Deus se realizava.



Mais estudos bíblicos sobre o Livro de Gênesis

Interpretação de Gênesis 7 Interpretação de Gênesis 7 Reviewed by Biblioteca Bíblia on segunda-feira, julho 11, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.