Verbo “Criar” em Gênesis 1:1 (Part. I)



CRIAR, GENESIS, CRIAÇÃO, ESTUDO BIBLICOS, TEOLOGICOS

Embora aparentemente simples, o primeiro versículo da Bíblia pode ser dito como o mais importante, visto que é nele que está a autoridade de tudo o mais que pode ser lido no restante da Bíblia. Toda a nossa fé e crença nos ensinos bíblicos dependerão de crermos que, quando não existia nada físico, Deus passou a criar tudo. Vamos nos concentrar no verbo “criar” em Gênesis 1:1. Nesse nosso estudo bíblico, nós iremos abordar cada uma das ocorrências dentro dos livros bíblicos do Antigo Testamento em que o verbo aparece, numa abordagem lexicográfica do significado verbal dessa palavra. Devido a sua extensão, assim como também a sua complexidade lexicográfica, tão teria como colocar em uma única postagem todas as ocorrências da palavra בָּרָא dentro do A.T. Vamos segmentar a sua abordagem teológica das Escrituras em tantas postagens quanto forem necessárias para um estudo pormenorizado desse verbo singular.

Não é segredo para nenhum estudante casual das Escrituras que o verbo בָּרָא significa “criar do nada”, ou ex nihilo. (Vine) Mas não queremos apenas repetir o que todo mundo já sabe. Vamos tentar trazer à nossa atenção algumas particularidades interessantes desse verbo hebraico.

I. Livro de Gênesis

No livro de Gênesis, nós temos cerca de 9 ocorrências da palavra hebraica בָּרָא (bara’) Gen. 1:1, 21, 27; 2:3, 4; 5:1, 2; 6:7. Vamos analisar essa palavra apenas dentro do seu escopo literário do livro em questão e faremos comentários pertinentes às passagens abordadas:

Gen 1:1 No princípio criou [בָּרָא] Deus os céus e a terra.

Gen 1:21 E Deus criou [בָּרָא] as grandes baleias, e todo o réptil de alma vivente que as águas abundantemente produziram conforme as suas espécies; e toda a ave de asas conforme a sua espécie; e viu Deus que era bom.

Gen 1:27 E criou [בָּרָא] Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.

Gen 2:3 E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara [בָּרָא] e fizera.

Gen 2:4 Estas são as origens dos céus e da terra, quando foram criados [בהבראם]; no dia em que Yahweh Deus fez a terra e os céus,

Gen 5:1 Este é o livro das gerações de Adão. No dia em que Deus criou [בָּרָא] o homem, à semelhança de Deus o fez.

Gen 6:7 E disse Yahweh: Destruirei o homem que criei [בראתי] de sobre a face da terra, desde o homem até ao animal, até ao réptil, e até à ave dos céus; porque me arrependo de os haver feito.

Vamos analisar agora o resumo inteiro da ideia de בָּרָא dentro do livro de Gênesis.

Acredito ser de suma importância o verbo בָּרָא dentro do livro de Gênesis, uma vez que nos relata o ato criativo de Deus ao trazer o cosmos à existência. No hebraico antigo, esse verbo era o pictograma de uma tenda, a cabeça de um homem e a cabeça de um boi. A palavra בָּרָא (“criar”) em paleo-hebraico pode ser visto abaixo:


Em todos esses versículos fica claro que o verbo não significa apenas “criar do nada” em termos de não uso de materiais pré-existentes. Por exemplo, o mesmo verbo que é usado na criação dos céus e da terra é usado também para a criação do homem (1:26) no entanto, a Bíblia diz claramente que Deus formou o homem de algo que já existia, ou seja, o “pó do solo”. (2:7) No caso de Gênesis 2:7 não é usado o verbo בָּרָא, mas um outro que as Escrituras também empregam para se referir ao ato criativo de Deus, que é o verbo יִּצֶר.

Antes de entendermos mais sobre isso, vamos ver alguns comentários linguísticos sobre o verbo בָּרָא.

A definição básica de Theological Wordbook of the Old Testament é:

H1254
בָּרָא

bârâ'
criar, moldar, formar
1a) (Qal) moldar, dar forma a, criar (sempre tendo Deus com sujeito)
1a1) referindo-se ao céu e à terra
1a2) referindo-se ao homem individualmente
1a3) referindo-se a novas condições e circunstâncias
1a4) referindo-se a transformações
1b) (Nifal) ser criado
1b1) referindo-se ao céu e à terra
1b2) referindo-se a nascimento
1b3) referindo-se a algo novo
1b4) referindo-se milagres
1c) (Piel)
1c1) cortar
1c2) recortar
2) ser gordo
2a) (Hifil) engordar

Sobre um dos seus sentidos literais, o Ancient Hebrew Lexicon of the Bible de Jeff A. Benner, diz que בָּרָא significa:

“Preencher algo. O preenchimento da terra em Gênesis 1 com o sol, lua, plantas, animais, etc. E o preenchimento do homem com vida e a imagem de Deus.”

Além do seu significado de preenchimento, esse verbo também significa “criar do nada”. (Vine) Falando de sua importância particular dentro das Escrituras Sagradas, Eugene E. Carpenter e Philip W. Comfort comentam:

“Existem quatro verbos usados na Bíblia Hebraica que podem ser traduzidos por “criar” (bara’, ‘asah, yatsah, qanah); todos eles têm os humanos ou Deus como sujeitos que criam — exceto bara’. Bara’ sempre tem um sujeito divino — Deus.”

Muito interessante é a fragmentação linguística do verbo “criar” de Gênesis 1:1 e seu significado pictográfico no paleo-hebraico dentro de uma concepção cosmológica.

Vamos analisar as três letras separadamente e compreendê-las nesse contexto científico: (A sequência é da esquerda para a direita)

Alef = א Resh = ר bet = בָּ

PRIMEIRO: bet = בָּ

Dentro de sua pictografia antiga, é muito interessante sua ideia por trás da palavra. A tenda transmite a ideia de espaço, lugar, habitação, forma física. No caso do cosmos, a letra בּ (beyth) corresponde a habitação da vida física, principalmente a Terra, uma vez que no primeiro versículo da Bíblia בָּרָא “criar” está relacionado com à “Terra”, como a habitação dos seres humanos. Interessante que um dos verbos gregos usados na LXX para traduzir בָּרָא foi κτιζω que significa “povoar um lugar.” (Thayer) Essa tradução intercambiária não ocorre no A.T, mas apenas no N.T em hebraico em Apocalipse 4:11.

O professor de física Freeman Dyson comenta:

“Quanto mais eu examino o universo e estudo os pormenores da sua arquitetura, tanto mais evidência encontro de que o universo, em certo sentido, deve ter sabido que nós estávamos chegando.”

Ou seja, como que Alguém “criou” o Universo, especialmente a Terra, para ser a nossa habitação.

SEGUNDO: Resh = ר

A letra ר (resh) no paleo-hebraico era a pictografia da cabeça de um homem. Essa parte também desempenha uma função muito importante na transmissão do verbo בָּרָא dentro da criação cosmológica. Esse pictograma implica na ideia de “primeiro, início, começo, proeminência.” É dessa letra que surge a primeira frase da Bíblia בְּרֵאשִׁית (bereshit “no princípio”) que vem de ראשׁית (re’shith “início”) que vem de ראשׁ (ro’sh “cabeça”) e ro’sh de nossa letra base.

Particularmente acho essa letra a mais importante, pois ela resume o que é realmente “criar”. A pictografia da cabeça de um homem demonstra também a inteligência, a mente por trás da criação. Nada poderia mais resumir a perfeição por trás do cosmos e nosso belo lar chamado “Terra”. Percebemos inteligência, uma Mente superior por trás da obra criativa. Como disse Einsten:

“Quanto mais eu observo o universo mais ele se parece a um grande pensamento... .”

TERCEIRO: Alef = א

Por último, e não menos importante, vemos o א que no pictograma do paleo-hebraico é a cabeça de um boi. No pensamento hebreu, este tinha a ideia de força, de poder, domínio. Assim, fato é, que para causar toda a criação, faz-se necessário um poder sobre-humano, poder este que foi usado para trazer todas as coisas à existência.

Portanto, resumindo todas as três letras pictograficamente, nós temos a ideia de espaço físico, habitação, inteligência criativa e força de execução ou energia dinâmica. Essas são as três coisas, as três ideias necessárias para a criação do cosmos, a transformação de energia em matéria, e a matéria em criação inteligente.

A pergunta que nos vem a mente é: A final Deus criou do nada todas as coisas, como é o significado de בָּרָא, ou Ele criou de coisas pré-existentes, assim como a própria Bíblia afirma ao usar o verbo יִּצֶר na criação física de Deus?

Continuação:

Cosmologia de Gênesis 1:1 (Part. II)

Mais estudos sobre Gênesis:

Cf. A Astronomia e a Bíblia
Cf. A Bíblia e a Ciência
Cf. Houve Realmente um Dilúvio Global?
Cf. Panorama do Livro de Gênesis
Cf. Adão e Eva Realmente Existiram?

Verbo “Criar” em Gênesis 1:1 (Part. I) Verbo “Criar” em Gênesis 1:1 (Part. I) Reviewed by Biblioteca Bíblia on segunda-feira, maio 03, 2010 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.